top of page

SEMS/RN recebe palestra sobre afetos positivos.

A especialista Sergilene Lima esteve na Superintendência Estadual do Ministério da Saúde (SEMS/RN) e transcrevemos abaixo matéria que saiu no Jornal da mesma.

Na manhã desta segunda-feira, 12, a Superintendência Estadual do Ministério da Saúde (SEMS/RN) recebeu a especialista Sergilene Lima, especialista em gerontologia, psicologia positiva e intervenções com forças de caráter, para uma palestra com a temática "Como os afetos positivos podem aumentar a felicidade e diminuir a depressão e ansiedade" O momento realizado no auditório da SEMS/RN, no Dia Mundial da Cobertura Universal de Saúde e proporcionado pela CAPESESP representado no estado pelo gerente Regional Eduardo Figueiredo.


A palestrante iniciou sua apresentação contando sobre as emoções positivas e negativas, e o quanto nós, como seres humanos, somos focados nas partes negativas de nossas vidas e como isso atrapalha nosso cotidiano. Após essa dinâmica, ela iniciou apresentando as diferenças entre emoção e sentimento, e como devemos dar devida importância para cada um.


Seguindo por esse viés, a especialista contou um pouso sobre as diferenças entre depressão ansiedade, e as consequências de cada uma em nossas vidas. Ela também enfatizou como a divida emocional pode acabar gerando sentimentos de frustração que podem desencadear em enfermidades psicológicas.


Além disso, a autoconhecimento foi elencado como uma forma de extrema importância para que nos sintamos bem consigo mesmo, pois, após o processo de autoconhecimento, conseguimos responder as estímulos externos de forma promissora e positiva, Por último, Sergilene explicou para os presentes o que são os afetos positivos e como eles ajudam a conviver com nossas frustrações, e, também, a conviver com as pessoas ao nosso redor.


A programação foi finalizada com uma apresentação breve sobre a CAPESESP e sorteio de brindes para quem estava presente, além dos que interagiram com as dinâmicas, que, por sua vez, todos elogiaram e agradeceram pelo momento.


FONTE: Ano 2, edição N° 208 - Natal/RN - 13 de Dezembro de 2022.

5 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page